O Programa inclui os seguintes autores:


Antonio Fatás Antonio Fatás - INSEAD

Antonio Fatás é professor de Economia no INSEAD. Doutorou-se em Economia na Harvard University. É Investigador Associado no Centre for Economic and Policy Research em Londres e trabalha como consultor externo de organismos internacionais, como, por exemplo, o Fundo Monetário Internacional, a OCDE e o Banco Mundial.
Leciona o curso de base de macroeconomia no programa de MBA, bem como vários módulos sobre a conjuntura macroeconómica mundial no âmbito da Formação de Executivos. A sua investigação centra-se no estudo de ciclos económicos, política orçamental e economia da integração europeia. Publicou artigos em revistas académicas, tais como o Quarterly Journal of Economics, Journal of Monetary Economics, Journal of Money, Credit and Banking, Journal of Public Economics, Journal of International Economics, Journal of Economic Growth, European Economic Review e Economic Policy.

Áreas de Investigação: Macroeconomia; Política Orçamental; Crescimento Económico; Ciclos Económicos.

Leciona: Macroeconomia; Crescimento; Ciclos Económicos; Taxas de Câmbio.

Francesco Caselli Francesco Caselli - London School of Economics

Doutorado pela Harvard University
Diretor do Programa de Macroeconomia, Centre for Economic Performance (CEP) da London School of Economics.

Francesco Caselli leciona na London School of Economics, sendo aí Diretor do Programa de Macroeconomia no Centre for Economic Performance (CEP). Durante 2009-2010, trabalhou como Professor Convidado pelo Banco de España no CREI, uma das instituições académicas fundadoras da Graduate School of Economics de Barcelona. É igualmente Investigador Associado no National Bureau of Economic Research (NBER) e trabalha como Investigador Associado no Centre for Economic Policy Research (CEPR). Lecionou Economia em Harvard e na Graduate School of Business da University of Chicago, tendo sido convidado por várias instituições, incluindo Yale, London Business School, Institute for International Economic Studies, e o Federal Reserve Bank de Boston e Minneapolis.

Mário Centeno Mário Centeno - Banco de Portugal

Mário Centeno é Consultor do Conselho de Administração do Banco de Portugal, tendo exercido o cargo de Diretor Adjunto do Departamento de Estudos Económicos ao longo de vários anos. Os seus principais interesses de investigação incluem o seguro de desemprego, mobilidade salarial e laboral, bem como a desigualdade na distribuição do rendimento. Antes de ingressar no Banco de Portugal, foi Professor Auxiliar na Universidade Técnica de Lisboa. É licenciado em Economia e mestre em Matemática Aplicada pela Universidade Técnica de Lisboa, bem como mestre e doutorado em Economia pela Harvard University.
Carlo Favero Carlo Favero - Universitá Bocconi

Carlo Favero é doutorado pela Oxford University, onde foi membro do Oxford Econometrics Research Centre. Lecionou Econometria na Università Bocconi entre 1994 e 2001 e Economia a partir de 2002. Em 2009, juntou-se ao recém-criado Departamento de Finanças da Università Bocconi, o qual dirige e onde leciona Econometria Financeira. Publicou em revistas académicas sobre a modelização econométrica dos preços de obrigações e ações, econometria aplicada, política monetária, política orçamental e modelos de séries temporais sobre macroeconomia e finanças. É Investigador Associado no CEPR no âmbito do programa de Macroeconomia Internacional. É Presidente do Innocenzo Gasparini Institute for Economic Research na Università Bocconi e membro do comité científico do Centro Interuniversitario Italiano di Econometria (CIDE). Foi consultor junto do Ministério do Tesouro italiano no âmbito da construção de um modelo econométrico da economia italiana. Tem vindo a exercer funções de consultoria junto da Comissão Europeia, do Banco Mundial e do Banco Central Europeu, em matérias de política monetária, mecanismo de transmissão monetária e mercados obrigacionistas. É membro do Conselho Editorial da Bocconi Springer Series sobre Matemática, Estatísticas, Finanças e Economia.
Jeffry Frieden Jeff Frieden - Harvard University

Jeffry Frieden é professor de Administração Pública na Harvard University. Especializou-se em política de relações monetárias e financeiras internacionais. Publicou Currency Politics: The Political Economy of Exchange Rate Policy (em fase de preparação); e Lost Decades: The Making of America's Debt Crisis and the Long Recovery (2011; com Menzie Chinn). É também o autor de Global Capitalism: Its Fall and Rise in the Twentieth Century (2006), Banking on the World: The Politics of American International Finance (1987), Debt, Development, and Democracy: Modern Political Economy and Latin America, 1965 1985 (1991), e é coautor ou coeditor de vários outros livros sobre temas associados. Os seus artigos sobre a política de questões económicas internacionais foram divulgados por um vasto leque de publicações académicas e de interesse geral.
Vincenzo Galasso Vincenzo Galasso - Universitá Bocconi

Vincenzo Galasso é professor de Economia na Università Bocconi (Milão), Investigador Associado no Centre for Economic Policy Research (CEPR) (Londres), no CES-Ifo (Mónaco), no IGIER (Milão) e no Center for Economic and Political Research on Aging (CEPRA) na Università della Svizzera italiana (Lugano). Dirige o Bacharelato em Política Internacional e Administração Pública na Università Bocconi, é Editor do European Journal of Political Economy, e membro do Conselho Editorial do Journal of Pension Economics and Finance. A sua investigação centra-se na economia política, envelhecimento, segurança social e Estado-providência. Publicou num vasto conjunto de revistas académicas de referência. Entre os seus livros contam-se: The Political Future of Social Security in Aging Societies, 2006, The MIT Press; e Structural Reforms Without Prejudices, 2006, Oxford University Press. Doutorou-se em Economia pela University of California de Los Angeles.
Paul De Grauwe Paul de Grawe - London School of Economics

Paul De Grauwe é detentor de uma Cátedra John Paulson em Economia na London School of Economics. Foi deputado no Parlamento belga entre 1991 e 2003. É Doutor Honoris Causa pela University of Sankt Gallen (Suíça), University of Turku (Finlândia), Università degli Studi di Genova (Itália) e Universitat de València (Espanha). Foi Professor Convidado em várias universidades: Paris, Amesterdão, Berlim, Kiel, Milão, Pensilvânia e Michigan. Doutorou-se pela Johns Hopkins University em 1974. É Investigador Associado no Centre for European Policy Studies de Bruxelas e Diretor da Área “Macro, Moeda e Finanças” no CESifo de Munique.
A sua investigação centra-se na economia das uniões monetárias e macroeconomia comportamental. Entre os seus livros contam-se The Economics of Monetary Union, Oxford University Press, 10.ª ed., 2014, e Lectures on Behavioral Macroeconomics, Princeton University Press, 2012.
Philip R. Lane Philip Lane - Trinity College

Philip R. Lane é detentor de uma Cátedra Whately em Economia Política no Trinity College Dublin. Além disso, é chefe de redação do Economic Policy. É Investigador Associado no Centre for Economic Policy Research (CEPR). A sua investigação centra-se na globalização financeira, macroeconomia das taxas de câmbio e fluxos de capital, conceção de políticas macroeconómicas, União Monetária Europeia, e economia irlandesa. Publicou artigos no American Economic Review, Review of Economics and Statistics, NBER Macroeconomics Annual, Journal of International Economics, Journal of Economic Perspectives e muitas outras revistas. Em 2001, foi o primeiro laureado com o Germán Bernácer Prize in Monetary Economics, que distingue contributos extraordinários no domínio da política monetária por economistas europeus com menos de 40 anos; em 2010, venceu, ex aequo, o Bhagwati Prize do Journal of International Economics. Colabora igualmente nos conselhos editoriais do Journal of International Economics, International Journal of Central Banking, Empirica, Open Economies Review e Moneda y Credito. É membro da Royal Irish Academy, Bellagio Group, Committee for International Economic Policy Reform e EURO-50 Group e foi membro do “Conselho-sombra” do BCE para o jornal alemão Handelsblatt. É também membro do National Statistics Board, do Conselho do ESRI e do comité consultivo científico do CEPII. Tem vindo a trabalhar como consultor junto do Fundo Monetário Internacional, Banco Mundial, Comissão Europeia, Banco Central Europeu, Banco Asiático de Desenvolvimento, OCDE e vários bancos centrais nacionais e outros organismos políticos. Fundou o blogue The Irish Economy.
Álvaro Novo Álvaro Novo - Banco de Portugal

Álvaro A. Novo doutorou-se em Economia pela University of Illinois em Urbana-Champaign (Estados Unidos), em 2001. Nesse mesmo ano, ingressou no Banco de Portugal, onde trabalha como Economista no Departamento de Estudos Económicos. Leciona igualmente na Universidade Lusófona. As suas áreas de interesse incluem vários tópicos da economia do trabalho. Publicou a sua investigação em revistas internacionais, tais como a Labour Economics, Econometric Theory, Economics Letters, Empirical Economics, Oxford Bulletin of Economics and Statistics, e Portuguese Economic Journal.
André Sapir André Sapir - Université Libre de Bruxelles

André Sapir é Professor de Economia na Université Libre de Bruxelles (ULB), onde leciona comércio internacional e integração europeia. É igualmente Investigador Sénior no Brussels European and Global Economic Laboratory (BRUEGEL), e Investigador Associado no Centre for Economic Policy Research (CEPR).
É membro do Grupo Consultivo Económico do Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Barroso.
Até janeiro de 2005, trabalhou durante 12 anos para a Comissão Europeia, primeiramente como Consultor Económico do Diretor-Geral dos Assuntos Económicos e Financeiros. Entre 2001 e 2004, foi Consultor de Economia do Presidente Romano Prodi.
Foi Presidente do Grupo de Estado de Alto Nível que produziu o relatório de 2003 intitulado An Agenda for a Growing Europe, conhecido como Relatório Sapir. Publicou vários artigos sobre a globalização e integração europeia.
José Tavares José Tavares - Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa

José Tavares é Professor Catedrático de economia na Nova School of Business and Economics da Universidade Nova de Lisboa e Investigador Associado do Centre for Economic Policy Research (CEPR) em Londres. Doutorou-se em Economia pela Harvard University, com especialização na economia política e políticas públicas. Trabalhou em projetos no Banco Mundial, Banco Asiático de Desenvolvimento, Harvard Institute for International Development e Banco de Portugal. Publicou artigos em várias revistas académicas, incluindo o Journal of Monetary Economics, o Journal of Public Economics, e o Economic Journal, e a sua investigação foi comentada na revista Time, New York Times, Handelsblatt, La Repubblica, Panorama, Expresso, Público e Diário Económico.